REDES SOCIAIS

35°C

A jornal dos EUA, Bolsonaro diz que deve voltar ao Brasil em março, mas pondera risco de prisão

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Em entrevista ao jornal norte-americano The Wall Street Journal, o ex-presidente Jair Bolsonaro disse que deve voltar ao Brasil em março, mas ponderou que há risco de prisão.

?Uma ordem de prisão pode aparecer do nada”, afirmou Bolsonaro.

O ex-presidente viajou para Orlando, na Flórida, no fim do ano passado, a dois dias de terminar o seu mandato. Desde então, está hospedado na casa de um amigo em um condomínio da cidade. Em algumas aparições nas redes sociais, Bolsonaro postou fotos comendo em redes de fast food. Ele também proferiu algumas falas públicas em eventos locais.

Ao The Wall Street Journal, Bolsonaro citou o caso do também ex-presidente Michel Temer, que foi preso em março de 2019, três meses após deixar o mandato. Ele foi preso preventivamente em razão de denúncias de corrupção na obra de Angra 3. Temer nega irregularidades.

Por isso, segundo Bolsonaro, apesar de querer voltar ao Brasil, ainda não tem uma data definida.

Na entrevista, o ex-presidente também foi questionado sobre a reunião que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva teve com Joe Bide, presidente dos Estados Unidos, na Casa Branca.

“Lula só veio aqui para estar nos holofotes”, criticou Bolsonaro, derrotado pelo atual presidente nas eleições de outubro.

Na entrevista, Bolsonaro ainda comentou sua derrota no pleito e admitiu que “perder faz parte do processo eleitoral”.

Por fim, Bolsonaro disse que pretende, nos próximos anos, ser o líder da direita no Brasil.

“O movimento de direita não está morto”, afirmou.

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS