REDES SOCIAIS

33°C

Alvo da PF, Rowles abriu empresa com cunhado e sócio de ex-secretário da Casa Civil de MT

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Empresa está atualmente inativa, tinha Fernando Borbon Novis Neves como administrador, foi aberta no começo da pandemia e tinha como atividade a venda de produtos hospitalares

Rowles Magalhães Pereira da Silva, um dos presos na Operação Descobrimento, que desbaratou um esquema de tráfico internacional de drogas do Brasil para o Portugal, abriu uma empresa no início de 2020 em sociedade com o médico e empresário Fernando Gabriel Padilla de Borbon Neves, cunhado e sócio do ex-secretário-chefe da Casa Civil de Mato Grosso, Mauro Carvalho.

Além de Rowles, também foi preso Nilton Borgato, ex-secretário de Estado de Ciência e Tecnologia do governo Mauro Mendes, exonerado no mês passado.

De acordo com dados da Receita Federal, a única empresa aberta no Brasil em nome de Rowles Magalhães é a Neves e Silva Ltda, em sociedade com Fernando Borbon, com capital social de R$ 500 mil.

Atualmente, a empresa que foi aberta em abril de 2020 encontra-se inativa e tinha como registro de atividades cadastradas junto à Receita comércio e atacadista de roupas e acessórios para uso profissional e de segurança do trabalho, comércio atacadista de instrumentos e materiais para uso médico, cirúrgico, hospitalar e de laboratórios.

Também apareciam como atividades da empresa comércio atacista de máquinas, aparelhos e equipamentos de uso odonto-médico-hospitalar, aluguel de equipamentos científicos médicos e hospitalares, sem operador, e atividades de limpeza não-especificadas.
Empresa não operou e pretendia vender produtos médicos na pandemia, diz Fernando Novis Neves
Em entrevista ao Isso É Notícia, o médico Fernando Novis Neves esclareceu que é amigo pessoal de Rowles Magalhães e que, no começo da pandemia, abriram a empresa com o objetivo de vender produtos médicos na pandemia.


“A gente é amigo de jogar futebol juntos. Então, no começo da pandemia, a gente teve essa ideia, abriu essa empresa, mas não avançamos em nada. Se você for olhar na Receita Federal vai ver que ela não teve movimentação financeira nenhuma, não prestou nenhum serviço para ninguém”, explicou o médico ao portal.
Fernando também garantiu que a empresa nunca prestou nenhum tipo de serviço a órgãos ou entidades públicas de saúde.

Sociedade de Fernando Novis com Mauro Carvalho
Por sua vez, além de ser irmão da esposa (cunhado), Fernando Novis Neves também é ou já foi sócio do ex-secretário Mauro Carvalho em pelo menos duas empresas em atividade: a São Tadeu Enérgica S/A e a Distribuidora Colorado De Bebidas Ltda, ambas com capital social que somam R$ 52,2 milhões.
Fernando e Mauro também foram sócios na empresa Transcolorado Transportes Ltda que atualmente está inativa.

A Secretaria de Comunicação do Estado de Mato Grosso (Secom-MT) foi procurada pela reportagem, mas informou que Mauro Carvalho não faz mais parte do governo e que por isso não poderia se pronunciar. O portal não conseguiu contato pessoal com o ex-secretário, mas o espaço permanece aberto.

Fonte: Issoenoticia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS