REDES SOCIAIS

23°C

“Aparamos as arestas, temos uma fumaça branca na chaminé”

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

image

O secretário de Estado de Saúde (SES), Gilberto Figueiredo confirmou que um ponto final foi colocado nas rusgas com o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT) e os deputados estaduais. Grande parte dos parlamentares reclamava do tratamento dado pelo gestor da saúde. O assunto chegou a ser levado ao conhecimento do governador Mauro Mendes (União).

Nesta sexta-feira (17) Gilberto reuniu com o presidente da ALMT, deputado Eduardo Botelho (União), colega de partido. “Estive com o deputado Eduardo Botelho, aparamos as arestas que poderiam existir, temos uma fumaça branca na chaminé, nunca fomos inimigos”, disse em entrevista à imprensa.

O secretário que é o primeiro suplente de deputado estadual, praticamente descartou as chances de assumir uma cadeira na Casa de Leis neste início da nova Legislatura, quando o presidente Eduardo Botelho (União) deve tirar uma licença. 

“Estou muito focado nas entregas que tenho que fazer, estou obstinado a entregar o Hospital Central, que será histórico para a Saúde em Mato Grosso. Muito provável que eu não assuma neste primeiro momento, que serão 30 dias ou 60 dias. Não dá para fazer um trabalho, montar uma equipe. A que estará lá é de um titular. Neste momento, pode ser mais útil eu continuar na Saúde”, complementou.

 

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS