REDES SOCIAIS

26°C

Bolsonaro se corrige após falar em reunião com ‘presidente Trump’ e diz ter ficado ‘a um metro’ de Biden

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira (10), durante transmissão ao vivo por redes sociais a partir de Los Angeles (EUA), que na véspera teve uma reunião com o “presidente Trump”, de quem é aliado e antecessor de Joe Biden.

Nas eleições norte-americanas, Bolsonaro manifestou apoio público a Donald Trump, do partido Republicano, derrotado por Joe Biden, do partido Democrata. Segundo o brasileiro, houve “fraude” no processo eleitoral dos Estados Unidos.

Nesta quinta, Bolsonaro teve pela primeira vez em um ano e meio um encontro com o presidente norte-americano. Após o anúncio da vitória do democrata, levou mais de um mês para enviar cumprimentos, e não compareceu à posse.

“Ontem, tivemos uma bilateral com o presidente Trump. Ou melhor ? desculpe o ato falho ? Joe Biden. Ah, vai ser um escândalo da imprensa aí”, disse na “live”, diretamente de Los Angeles, onde participou da Cúpula das Américas, encontro que reuniu líderes da região e no qual discursou nesta sexta.

Segundo Bolsonaro, o encontro privado com Biden durou 30 minutos. “Ficamos ali, a um metro de distância, sem máscara e tratando de assuntos de interesse dos nossos países e que também interessam para o mundo todo”, disse.


window.PLAYER_AB_ENV = “prod”

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS