REDES SOCIAIS

14°C

Clima de guerra domina MDB perto da convenção; Janaina vê polarização

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

image

A deputada estadual Janaina Riva disse que o MDB – partido ao qual é vice-presidente – está cada vez mais polarizado. Conforme a parlamentar, em Mato Grosso, a legenda tem enfrentado grande dificuldades em definir quais serão os nomes que devem receber apoio no pleito deste ano.

Nessa semana, Janaina já se manifestou favorável ao projeto de reeleição do governador Mauro Mendes (União), acompanhado dos liberais, o senador Wellington Fagundes (que é seu sogro), e é claro, do presidente Jair Bolsonaro. Segundo a deputada, o período de convenção deve “pegar fogo”.

“É uma confusão, tumulto, briga por espaço, para ver quem convence mais, aqui no Estado a disputa não é somente sobre Bolsonaro ou Lula, o Governo e Senado também está gerando inúmeras discussões. Muitos já estão com o Mendes, outros querem ver uma nova opção, muito apoiam o Wellington ao Senado outros ainda não definiram, isso é muito comum, nós vamos para as convenções com o partido em discussão e acho que ela vai pegar fogo”, disse em entrevista ao programa Cidade Agora, da TV Record, em Rondonópolis, na última quarta-feira (20).

No partido, uma das alas é encabeçada pelo prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, que vem organizando uma candidatura de oposição à Mendes. Pinheiro que tentou emplacar o nome da sua esposa Márcia Pinheiro (PV) na disputa pela senatoria, está em busca da construção do nome do senador Carlos Fávaro (PSD) para a disputa ao Governo, abraçando o projeto de Neri Geller (PP) ao Senado com a primeira-dama da Capital na suplência.

O grupo em questão ganha cada vez mais força em MT, já que conta com a Federação PT, PV e PCdoB, o PSD de Fávaro, o PP de Neri Geller e fortes nomes do MDB.

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS