REDES SOCIAIS

18°C

Com apoio de Pacheco e PT, Lula oficializa advogado no TST

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva escolheu o advogado Antônio Fabrício para vaga de ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST). A nomeação saiu nesta quarta-feira (26) no Diário Oficial da União (DOU).

Antônio Fabrício vai ocupar a vaga aberta com a aposentadoria do ministro Emmanoel Pereira. O nome fazia parte da lista tríplice entregue para Lula.

O advogado é ligado ao grupo Prerrogativas, um coletivo ligado à defesa dos direitos humanos e da democracia. Ao longo do processo de sua escolha, passou a ser defendido também pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG).

Ou seja, com uma canetada, Lula agradou o grupo de advogados, ligados ao PT, e Pacheco, com quem o governo tenta um armistício.

Por outro lado, Lula descartou Adriano Costa Avelino. Avelino tinha o apoio do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL). Avelino é advogado de Lira.

Perfil

Antônio Fabrício é da área trabalhista e, ao longo da carreira, atuou especialmente junto ao TST e ao Tribunal Regional Federal da 3ª Região.

O advogado é formado pela PUC de Minas Gerais e tem mestrado pela mesma instituição, onde é professor desde 1999.

Ele também já presidiu a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Minas Gerais.

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS