REDES SOCIAIS

21°C

Contra o Goiás, Cuiabá tenta espantar “fantasmas” na Copa do Brasil

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O Cuiabá entra em campo nesta quinta-feira para jogar a sobrevivência na Copa do Brasil. Depois de perder no primeiro duelo, somente a vitória interessa ao Dourado. A classificação diante do Goiás além de manter o time na competição, significaria espantar fantasmas que assombram o time auriverde.

Em 15 participações no torneio nacional, o Cuiabá disputou a terceira fase três vezes. Em todas, foi eliminado em plena Arena Pantanal.

Na temporada 2017, caiu justamente para o adversário deste ano. O Goiás goleou por 4 a 0 no jogo de ida e segurou um empate em 1 a 1 na volta para desclassificar o Dourado.

Em 2018, eliminação em casa para o Náutico. A última vez em que alcançou a terceira fase foi em 2022, quando caiu para o Atlético-GO nos pênaltis.

O mais longe que o Cuiabá chegou na Copa do Brasil foi em 2020, ano em que pulou etapas. Graças ao título da Copa Verde de 2019, estreou logo nas oitavas de final. Passou pelo Botafogo, mas parou no Grêmio já nas quartas.

Tabu contra goianos

Outro fantasma que assombra o Dourado na Copa do Brasil envolve times goianos. São cinco duelos na história da competição, com apenas uma classificação auriverde.

O Goiás é o maior carrasco, derrubou o Cuiabá em 2004 e 2017. Outras duas quedas foram para o Vila Nova, em 2005, e Atlético-GO, em 2022.

A única vez em que o clube mato-grossense levou a melhor foi diante da Aparecidense – mas foi eliminado logo em seguida na ?maldição da terceira fase?.

Uma nova chance

Invicto desde a estreia do técnico Petit, o Cuiabá tenta ampliar a boa fase. A equipe terá uma semana completa para treinar e descansar até reencontrar o Goiás nesta quinta-feira. O duelo será disputado a partir das 18h30 (de MT), na Arena Pantanal.

Com a derrota por 1 a 0 na ida, o Dourado precisa vencer por dois ou mais gols de vantagem para se classificar. Em caso de empate no placar agregado, a decisão vai para os pênaltis.

Fonte GE Esportes

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS