REDES SOCIAIS

35°C

Eliseu Padilha: aliado de Temer e um dos articuladores do impeachment de Dilma Rousseff

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O ex-deputado federal e ex-ministro Eliseu Padilha (MDB-RS) morreu nesta segunda-feira, aos 77 anos, em Porto Alegre (RS). Casado com a advogada Simone, pai de seis filhos, Padilha tratava um câncer no estômago.

Conhecido em Brasília como um hábil articulador político e um dos principais aliados do ex-presidente Michel Temer (MDB-SP), o emedebista gaúcho foi ministro de três governos diferentes:

  • ministro dos Transportes no governo Fernando Henrique (1997 a 2001)
  • ministro da Aviação Civil no governo Dilma Rousseff (2015)
  • ministro da Casa Civil no governo Michel Temer (2016 a e 2018)

Advogado e empresário, Padilha nasceu em Canela (RS) em 23 de dezembro de 1945. Começou a carreira política em sua cidade natal no movimento estudantil. Em 1967, passou a morar em Tramandaí (RS), onde se elegeu prefeito em 1989.

Padilha obteve o primeiro mandato de deputado federal em 1995, a partir de quando começa a ocupar cargos no Executivo e na direção do PMDB nacional.

O político foi deputado federal por quatro mandatos (um como suplente) e ficou conhecido por fazer mapas precisos das votações no Congresso.

Em 2016, Padilha foi um dos principais articuladores do impeachment da então presidente Dilma Rousseff, de quem foi ministro da Aviação Civil.

Após a cassação da petista, Padilha assumiu a Casa Civil da gestão Temer. Ficou no cargo até o final do governo em 2018.

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS