REDES SOCIAIS

21°C

Emanuel diz que Marcia irá questionar desmandos da atual gestão

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Coordenador de campanha da candidatura de Marcia Pinheiro (PV) ao Governo do Estado, o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB) disse que uma das tônicas da oposição será questionar os desmandos e a inversão de prioridades da atual gestão.

A primeira-dama da Capital concorre ao Palácio Paiaguás pela Federação Brasil de Esperança (composta por PV, PT e PCdoB).

“Nossa estratégia será falar a verdade e questionar o que está aí. Precisamos saber porque esse governo perseguiu servidores, porque promoveu o desmonte dos serviços públicos, além de ter sido tão cruel e desumano com os aposentados e pensionistas”, destacou Emanuel.

A declaração diz respeito ao fato de o governador Mauro Mendes (União) ter imposto uma alíquota de 14% aos servidores aposentados e pensionistas do Executivo estadual.

“Esse é o governador que mais tributou na história do país. Porque taxar o sol? Porque não implantar o VLT que ele apoiou quando era prefeito e agora mudou de opinião? São muitos ‘porquês’ a serem respondidos”, pontuou o coordenador.

Segundo Emanuel, é preciso inverter a lógica adotada pela atual gestão que governa para poucos e não para todos.

“Temos uma administração que privilegia um grupinho de empresários amigos. Temos o caixa abarrotado de dinheiro, mas recurso que não chega na ponta. Essa vai ser tônica da campanha e esses serão os debates que iremos promover”, concluiu.

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS