REDES SOCIAIS

33°C

Fagundes vai ao TCU tenta reverter decisão que ‘proíbe’ BRT em Cuiabá e VG, não dá certo e agora, ‘quer’ VLT

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O senador Wellington Fagundes (PL) foi um dos parlamentares mato-grossenses que esteve juntamente com o governador Mauro Mendes em uma reunião na última terça-feira(10), em Brasília, no Tribunal de Contas da União (TCU), para ‘implorar’ ao ministro Aroldo Cedraz, que reverta a decisão que suspendeu as obras do BRT (Ônibus de Rápido Transporte) em Cuiabá e Várzea Grande.

Fagundes quem organizou audiência que contou com a participação  secretário-chefe da Casa Civil, Rogério Gallo, procurador-geral do Estado, Francisco de Assis da Silva Lopes e do secretário de Gestão e Planejamento Basílio Bezerra Guimarães dos Santos. Além deles, participaram integrantes da bancada federal como Jayme Campos (senador licenciado), Wellington Fagundes (senador), Cidinho (ex-senador) e Neri Geller (deputado federal).

Mas, parece que a visita não resultou em nenhum efeito. Nesta quarta-feira (11), o senador Fagundes tratou de divulgar em suas redes sociais que é a favor do VLT, modal que tem a preferência da população cuiabana e várzea-grandense .

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS