REDES SOCIAIS

28°C

Fávaro desconversa sobre Governo e diz que meta é reeleger ao Senado

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

image

O ministro de Agricultura e Pecuária e senador licenciado, Carlos Fávaro (PSD) ressaltou nesta quinta-feira (6) sobre a necessidade das movimentações para as eleições de 2024. Mesmo alguns políticos afirmando ainda ser cedo, Fávaro avalia que as discussões são essenciais. “As pessoas gostam de dizer que eleição está longe, que não pensa nisso agora. Eu penso sim. A gente tem que preparar, trabalhar muito. O foco é trabalhar, entregar resultados. Mas pensar e estruturar um projeto futuro com toda a certeza”.

Sobre a possibilidade de ser candidato ao Governo do Estado, Fávaro diz que o projeto é outro. “Penso pessoalmente numa candidatura à reeleição [ao Senado]. Aí sim, ao tempo de Deus, quando for o momento político na época, vamos discutir com os companheiros e a população a reeleição ao Senado. Isso tem tempo para acontecer”, disse em entrevista à rádio Centro América FM.

Fávaro diz que a meta é pensar primeiro nas eleições municipais, para isso, o PSD está fazendo reformulações. “Começaremos pelos 30 maiores municípios mato-grossenses. Temos 27 prefeitos, 15 vice-prefeitos, uma centena de vereadores. Vamos estruturar sim”.

Fávaro diz que o partido em hipótese alguma vai aderir à federação. “O partido está crescendo organicamente e assim vai continuar. É determinação do nosso presidente Kassab.Temos nomes para candidatura a prefeito e possíveis composições em Cuiabá e outros municípios”.

O ministro voltou a reforçar também o convite ao presidente da Assembleia Legislativa, Eduardo Botelho (MDB) para o PSD. “Se ele não tiver espaço no partido dele, é muito bem vindo no PSD”, pondera Fávaro.

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS