REDES SOCIAIS

19°C

Fraudadores invadiram ordens bancárias e usaram sistema semelhante ao PIX para desvio a sistema de pagamentos do governo

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
window.PLAYER_AB_ENV = “prod”

Os fraudadores que invadiram o sistema de pagamentos da União, o Sistema Integrado de Administração Financeira (Siafi), conseguiram acessar ordens bancárias de diversas entidades e alterar dados dos beneficiários das emissões, desviando, em uma série de operações, dinheiro público por meio de um mecanismo que se assemelha ao pagamento via Pix, portanto, de débito automático, o OBpix.

Segundo relatório de órgão que acompanha o caso obtido pelo blog, ao identificar a fraude, o Tesouro passou a exigir licenças diferenciadas para a emissão de ordens de pagamento ? e descredenciou a modalidade escolhida pelos bandidos, a OBpix.

Ainda depois da invasão dos sistemas, que ocorreu durante a Páscoa, o Siafi só libera ordens bancárias tradicionais.

window.PLAYER_AB_ENV = “prod”

A atuação dos invasores foi revelada pelo jornal “Folha de S.Paulo” e confirmada pela TV Globo.

Ainda segundo informação apurada pelo blog, a Secretaria do Tesouro Nacional chamou uma reunião com diversos órgãos ordenadores de despesas no dia 12 de abril para informá-los de que o Siafi havia sido alvo de uma invasão.

Polícia Federal (PF) e a Agência Brasileira de Inteligência (Abin) investigam a fraude. O Tribunal de Contas da União também prepara auditoria sobre o caso.

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS