REDES SOCIAIS

12°C

Haddad paralisa agenda de pré-campanha até domingo após ser diagnosticado com pedra nos rins

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Pré-candidato ao governo de São Paulo pelo PT, o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad paralisou as atividades da pré-campanha nesta terça-feira (10) por causa de um problema de cálculo renal.

Segundo a assessoria do petista, Haddad se sentiu mal e dores intensas, mas não precisou ser internado. O médico recomendou que ele ficasse em repouso em casa até o domingo (15), recebendo tratamento ambulatorial.

Em postagem feita nas redes sociais, o petista disse que já está bem, mas que não vai se esquecer da sua “primeira pedra no rim”.

?A primeira pedra no rim a gente não esquece. Obrigado pelas manifestações de carinho. Já está tudo bem?, declarou.

Haddad recebeu mensagens de solidariedade até dos possíveis adversários na corrida pelo Palácio dos Bandeirantes. Em postagem no Twitter, o pré-candidato Márcio França (PSB) desejou pronta recuperação ao futuro adversário.

?Força Fernando ! Precisamos de vc ! Saúde !?, escreveu França.

Embora o PT e o PSB sejam aliados na corrida presidencial, compondo a chapa encabeçada por Lula (PT) e Geraldo Alckmin (PSB), na esfera estadual, Haddad e Márcio França ainda discutem o lançamento de chapas distintas para concorrer ao governo do estado de São Paulo.

Segundo a última pesquisa Datafolha, em abril, Haddad e França lideram a corrida estadual pela sucessão do governador Rodrigo Garcia (PSDB), seguidos por Tarcísio de Freitas (Republicanos) e do próprio Garcia, que é pré-candidato à reeleição (veja vídeo abaixo).


window.PLAYER_AB_ENV = “prod”

VÍDEOS: Tudo sobre São Paulo e região metropolitana

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS