REDES SOCIAIS

33°C

Janaina diz que nome de Tebet inviabiliza candidaturas femininas no MDB

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

image

A deputada estadual e vice-presidente do MDB em Mato Grosso, Janaina Riva, avaliou a conjuntura política nacional e enfatizou que a candidatura própria do partido, com nome da senadora Simone Tebet para a disputa presidencial, prejudica as candidaturas femininas do partido.

Segundo Janaina, uma candidatura sem inelegibilidade consumirá todo fundo partidário de candidaturas proporcionais, inviabilizando nomes femininos na disputa deste ano.

“Uma candidatura presidencial consome muito do fundo partidário, vai levar de 30 a 40 milhões, para isso ser vantajoso para o partido, a candidatura deve possuir condições de eleições. […] As mulheres do partido estão muito preocupadas de não ter recurso pra todo mundo, a situação é complicada, porque a gente fala muito sobre o incentivo das mulheres na política, mas age dessa forma sem pensar nas condições das candidaturas proporcionais”, disse em entrevista ao programa Cidade Agora, da TV Record, em Rondonópolis, na última quarta-feira (20).

A deputada ainda enfatizou que a disputa desse ano está polarizada e deve se concentrar apenas nos nomes do presidente Jair Bolsonaro (PL) e do ex-presidente Lula (PT). Janaina já manifestou publicamente que irá apoiar o presidente Bolsonaro, que é correligionário de seu sogro, Wellington Fagundes, atual presidente do PL em Mato Grosso e pré-candidato ao Senado pela sigla.

“Nós já temos uma política que está polarizada, dentro do MDB a maioria já se posicionou ou com Lula ou com Bolsonaro. A discussão no MDB hoje é liberar os membros para escolher entre os dois e destinar esse investimento que seria para a candidatura presidencial para as proporcionais”, contou.

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS