REDES SOCIAIS

26°C

Lula mostra urgência e diz a aliados que quer definir palanques regionais até 10 de junho

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Nas conversas com aliados nos últimos dias, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva demonstrou que tem pressa em resolver os palanques regionais onde há conflitos entre aliados.

Para interlocutores, tem dado o dia 10 de junho como prazo limite para a solução de impasses. A avaliação é que, se passar dessa data, pode atrapalhar a campanha, criando uma pauta negativa com prejuízo em estados importantes.

Na reunião de segunda-feira (23) com representantes de partidos, Lula chamou o presidente do PSB, Carlos Siqueira, e foi direto:

?Vamos resolver logo o palanque de São Paulo. Vamos marcar com o Márcio França para fazer o palanque com o (Fernando) Haddad e o PSOL?, disse Lula na frente de outros presidentes de legendas.

A grande preocupação no PT é que França insista na candidatura ao governo de São Paulo, fragilizando o palanque de Haddad, candidato do PT ao cargo.

Isso porque o próprio Geraldo Alckmin teria que fazer campanha com França pelo estado. E Lula quer Alckmin ao lado de Haddad para diminuir a rejeição ao petista no interior paulista.

Entre outros estados com problemas considerados prioritários estão Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Rio de Janeiro ? onde há impasse pela vaga de senador ? e Ceará, onde o PT resiste ao nome do ex-prefeito de Fortaleza Roberto Cláudio, que tem preferência do PDT de Ciro Gomes.

A solução encontrada em Minas Gerais tem sido apontada por Lula como um bom exemplo. Lá, a aliança com o PSD de Alexandre Kalil trouxe para o palanque petista a centro-direita mineira.

VÍDEOS: notícias de política

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS