REDES SOCIAIS

24°C

Mauro anuncia apoio da família e confirma que vai disputar reeleição

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

image

O governador Mauro Mendes (União Brasil), oficializou nesta segunda-feira (18), que será pré-candidato à reeleição na corrida eleitoral de outubro deste ano.

“É que neste último final de semana, fazendo a última reflexão, eu resolvi aceitar mais um vez colocar meu nome a disposição”, disse ele.

Durante o ato, também destacou a importância da família e a compreensão da esposa para ajudá-lo a atender a demanda política. 

“Agradeço você, Virginia, que é a mulher com quem eu tenho a honra de compartilhar quase 30 anos de nossas vidas, com nossos três filhos maravilhosos […] e suportar tudo isso comigo, suportar as ausências. Estar na política demanda muito a nossa presença”, argumentou.

Na última semana, o governador já havia declarado que sua decisão já estava tomada, mas precisava do apoio da primeira-dama Virginia Mendes e de sua família para dar o sim difinitivo.

A decisão de Mendes estava diretamente ligada às condições de saúde da primeira-dama, que declarou estar curada mas segue em recuperação, após cirurgia para retirada de um tumor no pâncreas.

O chefe do Palácio Paiaguás ainda pontuou que não excluiu nenhum integrante de sua base para fazer composição, fazendo referência ao  senador Carlos Fávaro (PSD), que alega ter sido escanteado por motivos de articulações políticas. 

“A proposta que foi colocada à mesa era o palanque aberto, depois disso, houveram algumas movimentações políticas no chamado tabuleiro político, cada um com a sua estratégia […] Poucos dias atrás me trouxeram essa situação do palanque aberto, eu disse ‘por mim, tudo bem’. Porém, essa definição precisa ser tomada pelo partido, e por aqueles que estão do nosso lado e que gostariam de estar no nosso lado. Essa definição ela será contruída nos próximos dias, nas próximas horas, mas o nosso grupo não excluiu ninguém, nós estamos no devido tempo, tomando decisões”, disse ele.

 

No último dia 12 de junho, 140 prefeitos dos 141 municípios do estado declararam apoio ao governador, para que optasse pela candidatura à reeleição.

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS