REDES SOCIAIS

33°C

Mundo vive ‘prova de fogo’ para preservar democracia diante da ascensão da extrema-direita, diz Barroso

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, afirmou neste sábado (22) que o mundo vive uma “prova de fogo” para preservar a democracia diante da ascensão da extrema-direita em diversos países.

Barroso deu as declarações durante participação em um evento organizado por estudantes brasileiros da Universidade de Oxford, no Reino Unido.

Em pronunciamento, o ministro também citou o avanço da desinformação e de discursos de ódio. Para ele, as sociedades civilizadas têm o desafio de fazer com que mentir “volte a ser errado”.

“A democracia brasileira viveu uma grande prova de fogo como o mundo tem vivido uma prova de fogo na preservação da democracia pela ascensão de uma extrema-direita intolerante em muitas partes do mundo, pela utilização dos discursos de ódio e da desinformação como estratégia de atuação política. E, em muitas partes do mundo, pela captura do sentimento religioso, com o uso abusivo em matéria política”, afirmou o magistrado.

O ministro disse que a democracia tem espaço para todas as correntes político-ideológicas, mas não tem lugar para quem “não se disponha a respeitar as regras do jogo e a respeitar os resultados eleitorais”.

Para Barroso, no entanto, apesar das provas de fogo a que tem sido submetido, o Brasil tem conseguido preservar as instituições democráticas consagradas pela Constituição de 1988.

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS