REDES SOCIAIS

28°C

Ofensiva do Senado rompe ?lua de mel? do STF com o governo e Pacheco

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Votos de aliados do governo Lula a favor da proposta que visa limitar poderes de ministros do Supremo Tribunal Federal foram vistos como ?traição? pelos integrantes da Corte que cravam o ?fim da lua de mel? com o Planalto.

Entre os que apoiaram o projeto está o líder do governo no Senado, Jaques Wagner (PT-BA). Integrantes da corte veem na medida uma retaliação e um forte aceno ao bolsonarismo radical e colocam a conta principal no colo do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG).

Segundo um integrante do STF, Pacheco ?queimou as pontes? que construiu com a Corte. ?Uma pena?, resume.

Apesar de o presidente do Senado ter tentado minimizar o impacto da votação nas relações com o STF, citando inclusive nomes de ministros supostamente conformados com o debate, a PEC não foi nem de longe digerida.

O Supremo estuda, inclusive, reagir oficialmente, com uma nota, à ofensiva do Senado. Entre os ministros mais incomodados está o presidente da Corte, ministro Luís Roberto Barroso.

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS