REDES SOCIAIS

33°C

Pintado lamenta erros e isenta Paulão de culpa por derrota do Cuiabá: “Infelicidade”

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O Cuiabá conheceu sua primeira derrota no Brasileirão. Com gol contra de Paulão, o Dourado perdeu por 1 a 0 para o Fluminense, na noite deste sábado, na Arena Pantanal, pela segunda rodada da competição.

O técnico Pintado lamentou os erros que levaram ao revés. O Cuiabá ofereceu pouco perigo à meta do goleiro Fábio e acabou punido aos 46 minutos do segundo tempo, em lance de contra-ataque.

– Não dá pra falar de justiça, é competência. Da maneira que surgiu o gol, aos 46, temos que assumir que erramos, não poderíamos oferecer o contra-ataque, poderíamos estar melhor posicionados para defender. São situações que teremos que aprender. Infelizmente teremos que aprender com essa dor. Às vezes aprendemos de uma maneira menos dolorosa e agora estamos aprendendo na dor. Temos um campeonato longo, e que sirva de lição para o que vem pela frente.

O comandante auriverde ainda isentou Paulão da culpa pelo resultado, que deixa o time na oitava colocação do Brasileirão, com três pontos.

– O Paulão é um jogador experiente, sabe conviver com essas dificuldades, com esses grandes desafios. Mas aqui somos uma equipe, ninguém ganha sozinho e ninguém perde sozinho. Foi uma infelicidade, que só acontece com quem está dentro de campo. Em outras jogadas, ele conseguiu fazer a função. Foi uma sequência de erros para a gente tomar o gol, não foi só aquele momento. Vamos avaliar com os jogadores para que a gente possa corrigir e não acontecer mais.

Desgaste físico

O Cuiabá enfrentou uma maratona de viagens no período de uma semana. Após vencer o Fortaleza na estreia do Brasileirão, foi à Argentina e perdeu para o Racing, pela Sul-Americana, e desembarcou na capital mato-grossense apenas na véspera do jogo contra o Flu. No entanto, Pintado evitou atribuir a derrota ao cansaço e citou o próprio adversário, que estava na Colômbia no meio de semana.

– Falar do desgaste físico neste momento vai parecer desculpa, porque também prejudicou o Fluminense. Não quero dar desculpa, temos que encontrar soluções. O momento ofensivo no primeiro tempo não foi bom, temos que melhorar isso. Temos que ser frios e pés no chão. Temos que ter sabedoria neste momento para corrigir e melhorando. Nem sempre quando ganhamos está sempre maravilhoso e quando perde está tudo ruim. Mas temos que melhorar a parte da transição ofensiva, tenho certeza que a gente vai poder melhorar.

Ausências

Pintado explicou as ausências de Marllon, que deu lugar justamente a Paulão, e Alesson, que perdeu espaço entre os titulares e sequer entrou na partida deste sábado.

– O Marllon tinha desconforto muscular. A Alesson tem quatro dias que não se alimenta direito e não dorme direito. Houve consenso da comissão técnica de não correr risco com esses atletas. Foi só pela parte física. É um momento que não podemos correr risco com nenhum atleta.

Próximos compromissos

O Cuiabá volta a campo na próxima quinta-feira, pela Copa do Brasil. A equipe visita o Atlético-GO, no Antônio Accioly, às 20h30 (de MT), pelo jogo de ida da terceira fase do torneio nacional.

Depois disso, o Dourado encara o Juventude, no próximo domingo, dia 24, às 17h (de MT), no Alfredo Jaconi, pela terceira rodada do Brasileirão.

Fonte GE Esportes

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS