REDES SOCIAIS

26°C

Prefeito de Sorriso cobra mais segurança na BR-163 em reunião com concessionária

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

image

Em reunião na Concessionária Rota do Oeste, o prefeito de Sorriso (a 418 km de Cuiabá), Ari Lafin (PSDB), e o secretário de Segurança Pública, Trânsito e Defesa Civil (Semsep), José Carlos Moura, solicitaram na última sexta-feira (10) ao presidente da empresa que seja dobrado o número de lombadas eletrônicas na área de travessia urbana da BR- 163. O trecho da rodovia federal é conhecido por diversos acidentes com vítimas fatais.

O pedido é para que os novos equipamentos sejam implantados em frente à Havan, nas proximidades da ponte sobre o Rio Lira e também na região de acesso ao Aeroporto Regional Adolino Bedin.

Atualmente, sete equipamentos, em três pontos, estão implantados ao longo dos 14 quilômetros de travessia urbana. Os equipamentos estão sendo substituídos pela Rota do Oeste, atendendo desta maneira a Resolução 798/2020, do Conselho Nacional de Trânsito (Contran).

“Nosso pedido é para que possamos ter mais segurança ao longo da travessia da BR- 163 em nosso Munícipio, evitando assim acidentes como o registrado nesta semana, quando uma mulher morreu vítima de atropelamento”, justificou o prefeito, reforçando que a redução de velocidade é imprescindível neste trecho, marcado por constante e intenso movimento.

“Estamos em um corredor logístico, e, sabendo do crescimento dinâmico de toda região, precisamos destes recursos para garantir mais segurança a todos que passam pela 163”, enfatizou.

Moura acrescentou que também foi solicitado à concessionária melhorias no acesso ao Parque Tecnológico Luiz Giroletti. “Temos muitas reclamações, principalmente de condutores de caminhões, sobre a dificuldade de fazer a conversão para acessar este local”, comentou Moura.

De acordo com a concessionária, em Sorriso, a Rota do Oeste tem a responsabilidade prevista em contrato de instalar oito equipamentos de monitoramento e redução de velocidade (radares) em cinco pontos da BR-163, definidos por meio de estudos e indicação da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Os locais de monitoramento de velocidade são nas regiões do: km 714, km 746, km 751, km 752 e km 753. Destes, três pontos ficam na travessia urbana da cidade. Seis equipamentos já foram substituídos e duas unidades estão em fase de realocação, conforme cronograma da empresa contratada pela Rota do Oeste.

Sobre o pedido protocolado hoje, a Rota do Oeste informou que vai realizar os estudos juntamente com a PRF e analisar a viabilidade da instalação perante a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), reguladora do contrato de concessão da BR-163. (Com informações da assessoria)

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS