REDES SOCIAIS

33°C

Projeto que prevê aquisição de aparelhos para PM identificar ingestão de drogas pela saliva é aprovado na ALMT

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

image

O Projeto de Lei (PL) que autoriza o Poder Executivo a adquirir o “drogômetro”, um aparelho que é usado para identificar a ingestão de drogas, por meio da saliva, em condutores de trânsito, teve o parecer favorável da Comissão de Fiscalização e Acompanhamento da Execução Orçamentária, e foi aprovado em primeira votação na sessão da Assembleia Legislativa desta quarta-feira (11).

O autor do PL é o deputado Sebastião Rezende (UB), que justificou que o “drogômetro” é um aparelho compacto que permite interpretação digital, armazenagem e impressão de resultados quantitativos de drogas de abuso na saliva.

O aparelho, conforme o texto do projeto, é ideal para blitz da Lei Seca, centros de detenção e barreiras policiais.

“Por fim, o equipamento é o único capaz de analisar o uso de drogas nas últimas oito horas. Portanto, a aquisição do equipamento “drogômetro” para atender as Unidades da PMMT é medida necessária. Por isso a origem da presente demanda”, enfatizou o deputado.

 De acordo com o PL, a análise feita pelo “drogômetro” dura aproximadamente 10 minutos e tem mais de 97% de índice de acerto. O “drogômetro” IFP é invasivo e pode ser feito em frente aos policiais. O aparelho, portátil, também pode ser levado para qualquer lugar. As amostras recolhidas ficam lacradas, o que possibilita uma análise posterior feita em laboratório.

“Desse modo, o “drogômetro”, em especial o “drogômetro Eco Reader” é um aparelho compacto que permite interpretação digital, armazenagem e impressão de resultados quantitativos de drogas de abuso na saliva”, finaliza justificativa.

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS