REDES SOCIAIS

14°C

Sem coligação, Novo confirma Luiz Felipe D’Avila como candidato ao Planalto neste sábado

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O partido Novo deve confirmar na tarde deste sábado (30) o nome do empresário e cientista político Luiz Felipe D’Avila para concorrer à Presidência da República.

A legenda prevê oficializar também, durante a convenção nacional, a escolha do deputado federal Tiago Mitraud (MG) como candidato a vice-presidente. Se confirmadas, as escolhas resultarão em uma “chapa pura” do Novo, que até o momento não fechou coligação com nenhuma outra sigla para a disputa.

Nas convenções nacionais, os filiados e representantes dos partidos votam para confirmar a indicação de um candidato. Conforme calendário fixado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o período vai de 20 de julho a 5 de agosto. Após a convenção, os partidos têm até 15 de agosto para registrar formalmente a candidatura.

D?Avila foi anunciado como pré-candidato do partido após o ex-presidente da sigla João Amoêdo ter retirado a intenção de disputar o Palácio do Planalto. Amoêdo argumentou que faltava unidade à sigla ? dividida entre filiados favoráveis e contrários ao presidente Jair Bolsonaro (PL).

Amoêdo foi o primeiro candidato do Novo à Presidência, em 2018. Na ocasião, ficou em quinto lugar, com quase 2,7 milhões de votos.

Temas da pré-campanha

Em novembro de 2021, Luiz Felipe D?Avila assumiu a pré-candidatura com o desafio de reunir as alas internas da sigla e seguir com o bom desempenho do partido na segunda disputa nacional.

D?Avila também estabelece como objetivo da candidatura o desafio de ?romper? com a polarização entre Jair Bolsonaro e Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

O pré-candidato propõe, entre outros pontos, a privatização de todas as empresas estatais brasileiras e uma ampla reforma administrativa no país.

Confira no vídeo abaixo o lançamento da pré-campanha de Felipe D’Avila, em abril:


window.PLAYER_AB_ENV = “prod”

Perfil

Com a confirmação deste sábado, Luiz Felipe D?Avila disputará pela primeira vez uma eleição. Neto do ex-deputado federal João Pacheco Chaves (MDB-SP), D?Avila é meio-irmão do deputado estadual paulista Frederico d?Avila (PL) e primo da ex-deputada Manuela d?Avila (PCdoB).

Aos 58 anos, o empresário e cientista político foi filiado ao PSDB. Em 2008, d’Avila fundou o Centro de Liderança Pública (CLP). Nas últimas eleições, disputou as prévias do PSDB paulista para o governo de São Paulo. Foi vencido por João Doria. Mais tarde naquele ano, esteve à frente do programa de governo de Geraldo Alckmin à Presidência.

Luiz Felipe d?Avila terá ao lado na disputa um deputado federal mineiro de primeiro mandato. Tiago Mitraud foi eleito em 2018 com 71.901 votos.

*sob orientação de Mateus Rodrigues

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS