REDES SOCIAIS

17°C

Senado aprova cota para filmes brasileiros em salas de cinemas até o fim de 2033

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O Senado aprovou nesta terça-feira (19) projeto que restabelece, até o fim de 2033, reserva para filmes brasileiros em salas de cinema, a chamada “cota de tela”. O texto segue para sanção presidencial.

Criada em 2001, a regra deixou de valer 20 anos depois, em 2021. A lei obrigava as salas de cinema a exibirem filmes nacionais por um número de dias fixo, definido anualmente por decreto presidencial.

O projeto aprovado também determina que, por meio de decreto, será estabelecido anualmente um piso de sessões e diversidade de títulos.

window.PLAYER_AB_ENV = “prod”

LEIA TAMBÉM:

Pelo texto, a norma do Executivo deve trazer medidas que “garantam a variedade, a diversidade, a competição equilibrada e a permanência efetiva em exibição de obras cinematográficas brasileiras de longa-metragem em sessões de maior procura, com a finalidade de promover a autossustentabilidade da indústria cinematográfica nacional”.

É papel da Agência Nacional do Cinema (Ancine) fiscalizar o cumprimento da regra.

As empresas que administram os cinemas e que não respeitarem a lei estarão sujeitas a multa de até R$ 2 milhões. O valor da multa será equivalente a 5% da receita bruta média diária do cinema, multiplicada pelo número de sessões em que filmes brasileiros deixaram de ser exibidos.

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS