REDES SOCIAIS

19°C

Traficantes de Cuiabá que distribuíam drogas ao “varejo do tráfico” são alvos da Polícia.

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), deflagrou na manhã desta sexta-feira (26.04), a Operação Rateio, para cumprimento de 39 ordens judiciais, sendo 27 mandados de busca e apreensão domiciliar e 12 ordens de bloqueio de contas bancárias, com alvo especialmente em traficantes de drogas na modalidade de rateio, que atuavam na região metropolitana.

A operação integra os trabalhos da operação Narke, coordenada pelo Ministério da Justiça para ações das delegacias especializadas no combate ao tráfico de drogas em todo Brasil.

Em Mato Grosso, as ordens judiciais foram expedidas pelo Núcleo de Inquéritos Policiais (Nipo) da Capital, após representação por medidas cautelares elaborada pelos delegados de polícia da DRE com base nas investigações das equipes policiais. Os mandados são cumpridos nas cidades de Cuiabá, Várzea Grande e Rondonópolis.

No curso das investigações conduzidas pela DRE foram identificados traficantes envolvidos com o comércio de drogas sintéticas como ecstasy, MDMA, LSD, popularmente conhecidas como “bala”, “doce”, além de outras substâncias como variações de maconha que eram comercializadas com usuários na Capital e em Várzea Grande.

As investigações apontam que os traficantes adquiriam quantidades maiores para rateio, fazendo distribuições menores das drogas, alimentando o tráfico de varejo dessas drogas de característica mais refinada.

As buscas e apreensões foram cumpridas em condomínios e residências de diversos bairros da capital, mobilizando 27 equipes da Polícia Civil, com um total de 110 policiais civis de várias unidades da Diretoria de Atividades Especiais e Diretoria Metropolitana, além de delegacias de Rondonópolis.

O delegado titular da DRE, Wilson Cibulski Junior, destaca que a “Operação Rateio” faz parte do trabalho contínuo de combate ao tráfico de drogas pela DRE, especialmente drogas sintéticas na modalidade de venda no varejo, além da atuação permanente em investigações de maior complexidade.

Rateio

O nome da operação faz referência ao modo como o grupo criminoso opera, fazendo esse rateio de porções maiores, pulverizando a droga entre traficantes nos mais diversos bairros da cidade.

Operação Narke

Durante toda essa semana, a Polícia Civil esteve engajada em cumprimentos de mandados de prisão, busca e apreensão e prisões em flagrante no âmbito da operação Narke, deflagrada pelo Ministério da Justiça, resultando no cumprimento de 15 mandados de prisão, 12 mandados de busca e apreensão e três prisoes em flagrantes realizadas em Cuiabá e região metropolitana.

Créditos: Estadão MT

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS