REDES SOCIAIS

28°C

Adolescente diz à PF que olhou e-mail de Janja, mas não analisou nem baixou conteúdo

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O adolescente de 17 anos que afirmou à Polícia Federal ter sido o autor da invasão das contas em redes sociais da primeira-dama, Janja Lula da Silva, disse em depoimento que também acessou os e-mails dela.

Segundo o blog apurou, o jovem declarou em depoimento na última semana que encontrou os dados de Janja e decidiu invadir os perfis, mesmo sem ter um objetivo específico.

Ele disse aos investigadores:

  • que acessou a conta de Janja no LinkedIn (rede social voltada para perfis profissionais), mas não fez nenhuma alteração;
  • que olhou o e-mail da primeira-dama, mas não chegou a analisar as conversas;
  • e que não salvou o conteúdo dos e-mails ou das conversas de Janja nos perfis invadidos.

window.PLAYER_AB_ENV = “prod”

Segundo a apuração do blog, o adolescente disse ainda que só queria aproveitar a oportunidade para fazer postagens no perfil de Janja na rede social X (antigo Twitter), mas se arrependeu porque não imaginava que a ação geraria tamanha repercussão.

O jovem foi ouvido na condição de informante, em razão da idade.

O depoimento dele não serve de prova isoladamente, mas será considerado no conjunto geral da investigação. Junto com outras provas, aí sim, pode corroborar elementos que os investigadores já tenham reunido.

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS