REDES SOCIAIS

16°C

Após 35 dias, Cuiabá demite técnico do sub-20, que dispara: “Saída sem fundamentos”

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Apenas 35 dias depois de ter sido anunciado, Filipe Dias não é mais técnico do sub-20 do Cuiabá. O profissional foi desligado na última quarta-feira, véspera do confronto contra o Atlético-MG, pela 3ª rodada do Brasileirão da categoria.

O treinador comandou a equipe somente em duas partidas, com um empate e uma derrota na conta. Em nota divulgada nas redes sociais, Filipe disse que foi demitido sem explicações sobre os motivos.

– Depois de 35 dias de trabalho, fui informado pelo setor de RH da decisão do presidente em realizar o meu desligamento do Cuiabá. Saída sem explicações, posicionamentos e, muito menos, fundamentos – diz trecho do comunicado.

Segundo Filipe Dias, seu desligamento precoce demonstra a instabilidade que profissionais do clube vivenciam.

– Minha demissão apenas retrata o atual cenário do clube: poucos profissionais possuem mais de 1 ano de casa; instabilidade e medo de funcionários pelas relações impositivas; e punições a integrantes da base tornando o ambiente sempre instável. Em 35 dias, presenciei 5 demissões dentro do clube.

O comandante destacou ainda o pouco tempo que teve para trabalhar e estabelecer suas ideias de jogo. Além disso, afirma que o curto ciclo no Dourado sequer teve um acompanhamento próximo da direção do clube.

– Em pouco mais de um mês, foram 22 sessões de treinamento aquisitivas, 2 amistosos e 2 jogos oficiais. Encontrei um grupo de atletas disposto a fazer acontecer, comprando a ideia e tendo a consciência de que a evolução individual e coletiva aconteceria. Neste período, tudo ficou na esfera interna, pois não houve sequer acompanhamento in loco de algum treino, nem duas palavras trocadas por parte do presidente comigo.

Nesta quinta-feira, o sub-20 do Cuiabá ficou no empate em 3 a 3 com o Atlético-MG. A equipe foi comandada pelo auxiliar-técnico Samuel Teram. Após três rodadas, o Dourado segue sem vencer no Brasileiro da categoria, com dois empates e uma derrota.

Fonte GE Esportes

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS