REDES SOCIAIS

34°C

Atuações do Cuiabá: Sobral e Denilson vão bem, mas time sofre defensivamente; dê suas notas

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

:root {
–base-color: #177d49;
–base-color-lg: #177d4955;
}

Ranking de Atuação

Ordem de escalação Nota GE Nota público

  • Cuiabá

    Walter – GOL

    nota ge 7.5
    público 7.5

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Teve pouca chance para evitar os dois gols marcados pelo Palmeiras. Apareceu bem para fazer defesa à queima roupa em finalização de dentro da área e foi seguro em outros arremates de média e longa distância.

  • Cuiabá

    Marllon – ZAG

    nota ge 5.0
    público 5.0

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Falhou no posicionamento no primeiro gol do Palmeiras. Após o cruzamento, deixou Lázaro se movimentar e desmarcar com facilidade para cabecear livre dentro da pequena área.

  • Cuiabá

    Gabriel – ZAG

    nota ge 6.5
    público 6.5

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Mais uma boa partida do jovem zagueiro. Seguro defensivamente, venceu os três duelos que disputou pelo chão, além de dois desarmes. Com a bola, mostra qualidade para conduzir o time na primeira construção. Jogador que tem potencial para se manter como titular ao longo do ano.

  • Cuiabá

    Alan Empereur – ZAG

    nota ge 6.0
    público 6.0

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Foi bem no jogo aéreo defensivo, com a maioria dos duelos vencidos. Como de costume, foi peça importante na saída de jogo.

  • Cuiabá

    Rikelme – LAT

    nota ge 5.0
    público 5.0

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Entrou no segundo tempo e demorou para entrar no ritmo da partida. Sofreu drible que abriu a defesa e resultou no pênalti cometido por Denilson.

  • Cuiabá

    Matheus Alexandre – LAT

    nota ge 5.5
    público 5.5

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Jogador do Cuiabá com mais desarmes na partida. Com posse, sofreu para aproveitar os espaços abertos por Derik Lacerda pelo lado direito.

  • Cuiabá

    Denilson – MEI

    nota ge 8.0
    público 8.0

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Participativo na fase ofensiva, foi a principal peça de organização. Acelerou a transição quando necessário e também foi bem no momento de manter a posse. Foi o jogador do Cuiabá com mais dribles na partida e acertou pelo menos dois passes para deixar os atacantes em boas condições.

  • Cuiabá

    Fernando Sobral – MEI

    nota ge 8.0
    público 8.0

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    O meio-campo mais organizado ajudou o volante a ter boa atuação. Distribuiu bem o jogo para os jogadores abertos e foi peça ativa na fase defensiva. Em belo chute de fora da área, criou uma das melhores chances do Cuiabá no segundo tempo.

  • Cuiabá

    Lucas Fernandes – MEI

    nota ge 5.5
    público 5.5

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    A entrada do meia dividiu a responsabilidade de criação com Denilson. Taticamente, a equipe se comportou melhor com a presença de Lucas Fernandes, com menos espaços cedidos entre as linhas de defesa e ataque. Porém, individualmente o jogador não conseguiu ser efetivo. Participou bastante da partida, mas criou poucas chances claras de gol.

  • 10º

    Cuiabá

    Clayson – ATA

    nota ge 5.0
    público 5.0

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Na vaga de Lucas Fernandes, jogou mais centralizado. Foram somente 14 minutos em campo, pouco tempo para ser efetivo na criação.

  • 11º

    Cuiabá

    Ramon – LAT

    nota ge 5.5
    público 5.5

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Com a dupla de ataque, o lateral ficou responsável por dar amplitude pela esquerda do setor ofensivo. Começou bastante participativo com a bola, mas caiu de rendimento na reta final da primeira etapa. Na fase defensiva, conseguiu vencer 100% dos duelos que disputou, mas cedeu espaço para Luis Guilherme cruzar na medida no primeiro gol do Palmeiras.

  • 12º

    Cuiabá

    André Luís – ATA

    nota ge 5.0
    público 5.0

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Entrou para jogar centralizado no ataque e sofreu para vencer os duelos e levar vantagem em cima dos marcadores.

  • 13º

    Cuiabá

    Derik Lacerda – ATA

    nota ge 5.0
    público 5.0

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Com um novo posicionamento, o atacante não conseguiu ser efetivo no ataque. Mais centralizado, perto de Isidro Pitta, Derik teve dificuldades para produzir em rápidas arrancadas pelo lado direito, como de costume. Mais posicionado de costas para a zaga adversária, sofreu para levar vantagem contra os marcadores.

  • 14º

    Cuiabá

    Jonathan Cafu – ATA

    nota ge 5.0
    público 5.0

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Entrou para jogar aberto no lado direito e deu mais volume ofensivo para a equipe. Em cruzamento na área, por pouco não anota assistência para Bruno Alves.

  • 15º

    Cuiabá

    Isidro Pitta – ATA

    nota ge 7.0
    público 7.0

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Livre para circular, o centroavante alternou entre a referência no ataque e a ponta direita. Entregou velocidade e explosão nas rápidas transições, formando boa dupla com Derik Lacerda. Fez bem o trabalho de pivô e apoios para segurar a bola e acionar os jogadores que chegavam de trás. Na etapa final, caiu de produção e foi substituído.

  • 16º

    Cuiabá

    Bruno Alves – ZAG

    nota ge 6.0
    público 6.0

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Pouco exigido defensivamente desde que deixou o banco de reservas, apareceu no ataque com finalização que raspou a trave.

  • 17º

    Cuiabá

    Ricardo Colbachini – TEC

    nota ge 6.5
    público 6.5

    minha nota
    8.5

    Avaliar 5.0

    Mudou a formação tática da equipe e o time teve mais organização. Apesar das fragilidades defensivas ainda nítidas, a equipe se mostrou mais compactada com a entrada de Lucas Fernandes no meio-campo.

Fonte GE Esportes

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS