REDES SOCIAIS

29°C

Cuiabá será uma das sedes do G20 em setembro

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

@media only screen and (max-width: 767px) {
.img-wrapper {
margin-bottom: 5px;
}

.content-title {
margin-bottom: 10px;
}
}

Após ser indicada pelo ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro (PSD), a cidade de Cuiabá será uma das sedes do G20, grupo que reúne as 19 principais economias do mundo.

 

Em dezembro do ano passado, o abrasileirado havia assumido pela primeira vez a presidência do bloco e ao longo do mandato do presidente Lula (PT) organizará mais de 100 reuniões ministeriais. 

 

A descentralização das atividades é uma inovação desta edição, transformando o G20 em um fórum mais acessível e representativo. 

 

A realização das reuniões nas cidades-sede espalhadas pelas cinco regiões é uma estratégia para fomentar o turismo e o intercâmbio cultural e fortalecer relações bilaterais entre as cidades e as nações participantes. 

Capital de Mato Grosso, estado que carrega o título de maior produtor de soja, milho e algodão e também abriga o maior rebanho bovino do país, Cuiabá receberá a reunião ministerial do Grupo de Trabalho de Agricultura, marcada para os dias 12 e 13 de setembro. Ao todo, foram elencadas 15 cidades-sede no Brasil.

 

 (Confira o calendário: https://www.g20.org/pt-br/calendario )

 

O GT da Agricultura, que conta com a liderança dos ministérios da Agricultura e Pecuária (Mapa); do Desenvolvimento Agrário e Agricultura Familiar (MDA) e da Pesca e Aquicultura (MPA) tem como foco o papel central da agricultura na economia global e na segurança alimentar das populações.

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS