REDES SOCIAIS

16°C

Mauro Vieira pede a chanceler iraniano ‘máxima contenção’ após ataque atribuído a Israel, diz Itamaraty

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O Ministério das Relações Exteriores informou nesta sexta-feira (19) que o chanceler Mauro Vieira pediu ?máxima contenção? ao governo do Irã após um ataque ao país atribuido a Israel.

window.PLAYER_AB_ENV = “prod”

?O Brasil apela a todas as partes envolvidas que exerçam máxima contenção e conclama a comunidade internacional a mobilizar esforços no sentido de evitar uma escalada?, afirmou o Itamaraty.

Esse apelo foi transmitido diretamente pelo Ministro Mauro Vieira ao chanceler do Irã, Hossein Amir-Abdollahian, em encontro bilateral ocorrido hoje na sede da Organização das Nações Unidas, em Nova York?, acrescentou o ministério.

O ataque

A nota foi divulgada após explosões próximas de uma base militar de Isfahan, uma das maiores cidades iranianas, a 450 km da capital, Teerã.

A região tem instalações nucleares e, segundo uma autoridade iraniana, os barulhos ouvidos resultam da ação do sistema de defesa aérea, que foi ativado. Nenhuma instalação nuclear foi afetada. Segundo a autoridade, não houve ataque de mísseis. O espaço aéreo chegou a ser fechado, e voos foram cancelados.

Segundo o jornal “The New York Times”, autoridades israelenses confirmaram o ataque sob condição de anonimato. A imprensa iraniana informou que drones foram abatidos e, segundo um militar do país, nenhum estrago foi causado.

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS