REDES SOCIAIS

28°C

Nishiyama, Taques e Sguarezi disputam vaga de desembargador do TJ; nome será definido por Mauro Mendes

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Aline Almeida

Única News

@media only screen and (max-width: 767px) {
.img-wrapper {
margin-bottom: 5px;
}

.content-title {
margin-bottom: 10px;
}
}

O Pleno do Tribunal de Justiça de Mato Grosso definiu, na manhã desta segunda-feira (19), a lista tríplice do Quinto Constitucional destinado à Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Mato Grosso. Os três mais votados foram: Hélio Nishiyama com 28 votos; Abel Sguarezi com 20 votos e Flaviano Taques com 19. Agora, a lista segue para o governador Mauro Mendes (União), a quem cabe escolher o novo desembargador. Hélio Nishiyama é apontado, nos bastidores, como o favorito ao posto.

A OAB-MT entregou em janeiro a lista sêxtupla com os nomes de três candidatos e de três candidatas à vaga no segundo grau de jurisdição do Poder Judiciário estadual. Os advogados (as) escolhidos (as) foram Abel Sguarezi, Dinara de Arruda, Flaviano Taques, Glaucia Amaral, Hélio Nishiyama e Juliana Zafino.

O cargo de desembargador – um tipo de “juiz de segunda instância”, que julga recursos e faz a gestão administrativa e financeira do Poder Judiciário – é um dos mais restritos a determinadas classes sociais e também de maior prestígio no funcionalismo público brasileiro.

Os novos desembargadores do Tribunal de Justiça de Mato Grosso tomam posse nos cargos na próxima quarta-feira (21). A solenidade está marcada para às 14h30. Ao todo, sete novos desembargadores passam a compor o quadro do Judiciário. A lista inclui cinco magistrados, um representante da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Mato Grosso e do promotor de Justiça Marcos Regenold Fernandes, que foi nomeado pelo governador Mauro Mendes no final de dezembro para assumir a vaga reservada ao quinto constitucional do Ministério Público Estadual.

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS