REDES SOCIAIS

16°C

Presidente do Vasco, Pedrinho dá detalhes sobre obras de modernização de São Januário

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Durante coletiva de imprensa na última quarta-feira (27), o presidente do Vasco, Pedrinho, deu detalhes sobre o projeto de modernização de São Januário, que acabou de ser aprovado na Câmera dos Vereadores. O mandatário revelou que o desejo do clube, é que as obras no estádio sejam iniciados ao fim de 2024.

Com um distanciamento forçado nas questões do futebol, Pedrinho afirma estar empenhado para que os processos do projeto aconteçam o mais rápido possível.

– Tivemos com o prefeito Eduardo Paes, que está muito empenhado nisso, tivemos também uma reunião na Câmera dos Vereadores. Nós temos que respeitar todos os processos da Câmera, mas a gente pressiona o tempo inteiro para que sejam acelerados.
O presidente revelou conversas em andamento com empresas interessas no potencial construtivo no estádio, e que espera apenas a liberação da Câmera dos Vereadores para dar andamento nos demais processos.

– Quando for assinado o potencial construtivo, a gente tem conversas com algumas empresas interessadas, também conversamos com algumas administradoras e construtoras de obra, para que assim que seja assinado, a gente consiga vender o potencial construtivo, e nos melhores dos sonhos, isso não é uma promessa é um desejo, que a gente consiga começar as obras no final do ano. A gente se empenha quase que 24h para que isso aconteça.
Com a previsão do início das obras definida, o Vasco busca alternativas para mandar seus jogos a partir de 2025. Atualmente, o Cruz-Maltino concorre à licitação do Maracanã com o consórcio “Maracanã Para Todos”, que está nas mãos do governo do Estado do Rio de Janeiro. A Secretaria de Estado da Casa Civil ficará responsável por gerir o contrato e fiscalizar a execuç

– A gente vai precisar, durante o período da obra, que a gente não sabe se vai durar dois anos e meio ou três anos, de ter um outro local para jogar. Obviamente a gente vai tentar abrir negociações, não só com o Maracanã, para que o Vasco tenha um local para jogar, e que não interfira na questão de logística para os atletas.

Durante sua campanha, quando ainda era candidato, o ídolo vascaíno divulgou o interesse da Crefisa em ajudar o Vasco e comprar o naming rights de São Januário. O presidente explicou como surgiu essa relação com a empresa.

– A relação foi surgindo porque nós fomos a São Paulo para ver a estrutura do Allianz Parque pensando já na modernização de São Januário, e depois a gente pegou uma relação muito íntima com seu José (dono da Crefisa) onde ele demonstrou interesse em colaborar com o Vasco na minha candidatura. Precisamos avaliar algumas coisas contratuais pelo interesse dele no naming rightso jurídico está estudando o contrato para ver se a gente tem o direito ou não, e ele está disposto de ajudar o Vasco.

Pedrinho fala sobre obras de modernização de São Januário em coletiva de imprensa. (Foto: Isabelle Favieri/ Lance!)

O mandatário também demonstrou preocupação com a Barreira do Vasco no período de obras do estádio. Ciente de que boa parte da renda da comunidade vem de dias de jogos em São Januário, Pedrinho confirmou que há um projeto de capacitação de moradores para que eles participem das obras.

– A gente tem um projeto que está se encaminhando muito bem com a Fecomércio e Sesc, para que a gente possa fazer capacitação para a inclusão, quando for oficializado a questão da obra, de muitas pessoas da Barreira, porque o entorno funciona muito com os jogos, grande receita da Barreira é essa, então a gente vai incluir as pessoas dentro da obra.

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS