REDES SOCIAIS

22°C

PSB recua e abre mão de disputar a Prefeitura de Cuiabá

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

@media only screen and (max-width: 767px) {
.img-wrapper {
margin-bottom: 5px;
}

.content-title {
margin-bottom: 10px;
}
}

O presidente da estadual do partido Socialista Brasileiro (PSB) em Mato Grosso, deputado estadual Max Russi, revelou à imprensa nesta quarta-feira (18) que o partido abrirá mão da disputa a Prefeitura de Cuiabá nas eleições do ano que vem.

Russi explicou o foco da legenda na capital está em constituir uma chapa forte de vereadores, onde a sigla pretende eleger quatro nomes para a Câmara de Cuiabá. Todavia, nenhum nome do PSB aparece entre os mais cotados para o legislativo cuiabano, nas pesquisas feitas neste ano.

“Nosso encaminhamento, até o momento, é de não ter candidato a prefeito para a próxima eleição. Nosso projeto é chapa de vereador, tenho certeza que o PSB terá quatro vereadores na próxima legislatura. Temos pelo menos cinco nomes fortes”, disse.

Em meados deste ano, Max chegou a cogitar a participação do PSB na disputa ao Palácio Alencastro. Contudo, de acordo com o parlamentar, a estratégia sofreu alterações, porque nenhum filiado se interessou a disputar a prefeitura na capital.

Todavia, ressaltou que o partido pretende disputar prefeituras em cidades no interior de MT, entre elas Várzea Grande e Rondonópolis, no sul do estado.

“O PSB já tem seu projeto para Cuiabá, mas pode haver alterações. Não vemos dentro do PSB ninguém com motivação para ser candidato a prefeito da Capital, diferente de Várzea Grande, Rondonópolis e Cáceres, que terão candidaturas”, revelou.

Por fim, o presidente do PSB em Mato Grosso garantiu que as definições oficiais acontecerão a partir do ano que vem, uma vez que a agremiação ainda não foi procurada por nenhum candidato interessado em lançar candidatura ou estabelecer uma aliança.

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS