REDES SOCIAIS

12°C

Jornalista de MT anuncia apoio de Michelle Bolsonaro à sua candidatura a deputada federal

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

image

A jornalista Amália Barros anunciou à imprensa na última quinta-feira (05) que a primeira-dama do país, Michelle Bolsonaro, está apoiando a sua pré-candidatura a deputada federal pelo PL em Mato Grosso. Amália não possui o olho esquerdo e realiza um forte ativismo em suas redes sociais pelas pessoas monoculares, além de possuir um instituto que já doou mais de 70 próteses oculares.

Michelle também possui uma atuação em prol de pessoas com deficiência, e apoia a causa das pessoas monoculares. Amália destacou que conheceu a primeira-dama após articular a criação de um projeto de lei que reconhece a condição enquanto deficiência física.

“Eu tive que procurar a primeira-dama Michelle, porque é a pessoa no Governo que mais representa as pessoas com deficiência. Quando a gente se conheceu, a gente se gostou de cara, ela quis entender, ela me ouviu, quis entender a história a fundo, a gente se aproximou e ali nasceu uma amizade. A gente se fala, eu já fui algumas vezes na casa dela”, enfatizou à imprensa, durante a visita da ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Cristiane Britto, em Cuiabá.

Amália pontuou que não possuía pretensão de entrar para a política, mas foi convidada por Michelle em Brasília do final do ano passado, tendo se filiado ao PL em fevereiro deste ano, com o apoio da primeira-dama.

“Então, eu aceitei esse desafio proposto pelo senador Wellington Fagundes com o pessoal do PL, com as bênçãos da Michelle, ontem eu passei o dia com ela e até brinquei com ela, falei primeira-dama estou me colocando no Mato Grosso como a candidata da primeira-dama, mas isso nunca saiu da minha boca. Eu falei, posso falar isso? Ela disse, pode dizer que você é a minha escolhida no estado do Mato Grosso. Eu só estou falando isso hoje porque ela me permitiu que falasse, eu não falaria sem autorização dela”, comentou.

Apesar do apoio de peso, a jornalista enfrenta uma forte chapa competitiva no PL, com pré-candidatos como os atuais deputados federais José Medeiros e Nelson Barbudo (que foi o candidato mais bem votado por Mato Grosso na última eleição), além da Coronel Fernanda, que conseguiu uma votação expressiva na eleição suplementar ao Senado, em 2020.

Ao ser questionada sobre a competitividade da chapa, Amália destacou que a questão política ainda é uma “novidade” e que atualmente, todos possuem as mesmas chances de serem eleitos.

“Eu estou entendendo como funciona essa somatória [de votos], eu comecei a estudar isso esse ano, tudo é muito novo. Realmente, são pessoas muito fortes, que já tem história, […] tem muita gente legal. É legal você estar em um time bom, um time competitivo, mas é o que o partido diz, hoje todo mundo é igual, todo mundo tem chance. Eu sou mais uma ali. Eu creio que se Deus tiver um propósito na minha vida e se for para dar certo, vai dar, independente da chapa que eu estiver”, disse.

 
 
 
Ver essa foto no Instagram

 
 
 

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS