REDES SOCIAIS

18°C

Medeiros visita presos na Papuda e cobra liberdade de inocentes

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

image

O deputado federal José Medeiros (PL-MT) visitou no Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, nesta quarta-feira (15), os manifestantes presos no ato do último dia 8 de janeiro na Capital Federal. Medeiros acompanhou uma comissão de senadores que foram in loco verificar a situação dos manifestantes.

Na Papuda, de acordo com Medeiros, cerca de 611 homens estão presos. Já cerca de 305 mulheres estão sob custódia na Penitenciária Feminina do Distrito Federal, conhecida como Colmeia.

“Fomos verificar as condições em que essas pessoas estão presas e dar apoio a muitas que estão psicologicamente abaladas com a situação. É preciso reafirmar que muitas dessas pessoas não participaram dos atos de vandalismo, mas estão sendo tratadas como criminosas. Na verdade, são presos políticos, pois foram à Brasília para manifestar de forma democrática e pacífica sua indignação com o resultado das eleições e o rumo que o país terá com o PT no governo”, declarou o parlamentar.

Medeiros explicou que a comissão se reuniu com representantes da Secretaria de Segurança do Distrito Federal para tratar sobre as condições dos presos, que vêm sendo objeto de reclamações dos detidos e seus familiares. Além disso, os parlamentares estão acompanhando a situação jurídica de cada pessoa presa e buscando mecanismos para garantir apoio psicológico e assistencial.

“Conversei com quatro pessoas de Mato Grosso que estão presas. Estão abaladas psicologicamente. Importante ressaltar que essas pessoas não são presos comuns, portanto, precisam de uma atenção diferenciada. Parlamentares que representam vários estados estão empenhados em ajudar a resolver essa situação. É preciso ver com a urgência a conduta de cada um e manter preso somente aqueles que participaram dos atos de vandalismo em Brasília”, argumentou o deputado de direita. Ele acrescentou ainda que a deputada coronel Fernanda também participou da visita.

O deputado federal lamentou ainda o fato de que criminosos de alta periculosidade como traficantes de drogas, pedófilos e estupradores rapidamente respondem em liberdade enquanto presos inocentes aguardam por uma solução por tempo indeterminado.

Nos próximos dias, o deputado federal José Medeiros deve visitar as mulheres presas na Penitenciária Feminina do DF.

A visita não pode ser registrada por determinação da direção do presídio.

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS