REDES SOCIAIS

18°C

Ministra Sonia Guajajara foi internada por ‘alteração da pressão arterial, que no momento está controlada’, diz boletim médico

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O Instituto do Coração de São Paulo (Incor-SP) divulgou neste sábado (27) um boletim médico da ministra dos Povos Indígenas, Sonia Guajajara, que foi transferida de Brasília para a capital paulista.

Segundo o hospital, Guajajara se “internou por alteração da pressão arterial, que no momento está controlada”.

“A paciente segue estável, internada para acompanhamento clinico, avaliação cardiológica e realização de exames. O acompanhamento é realizado pelos cardiologistas Dra. Iascara Wozniak de Campos e o Dr. Sérgio Timerman”, afirmou o Incor.

Segundo a assessoria do ministério, ela passou por exames clínicos e, por precaução, foi transferida para a capital paulista, para receber novos cuidados.

window.PLAYER_AB_ENV = “prod”

Ela se sentiu mal durante uma agenda pública no dia anterior (leia mais abaixo). Todos os compromissos oficiais da sexta e do fim de semana foram cancelados pela pasta.

De acordo com nota enviada pelo Ministério, Guajajara “está em processo de recuperação e encontra-se bem”. Mesmo assim, a ministra precisará ser internada em um hospital na capital paulista “para uma bateria de exames preventivos”, segundo recomendação médica.

Os sintomas apresentados pela ministra e o local da internação em São Paulo não foram divulgado.

“A assessoria de imprensa do Ministério dos Povos Indígenas informará oportunamente o local de internação e fornecerá boletins médicos sobre o estado de saúde da ministra”, diz o comunicado.

Na agenda pública da ministra desta quinta-feira (25) consta que Guajajara participou da abertura da “Oficina Nacional sobre Acesso e Repartição de Benefícios”, no Ministério do Meio Ambiente, em Brasília.

Compromissos cancelados

Ainda segundo a assessoria de imprensa do Ministério dos Povos Indígenas, Sonia Guajajara participaria de dois compromissos em São Paulo neste sábado: “Ato político de celebração dos 40 anos do MST” e “Lançamento do filme Somos Guardiões”.

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS