REDES SOCIAIS

28°C

Neri diz que foi julgado em 20 minutos e promete enfrentamento mais firme

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

image

Diante da cassação de seu mandato como deputado federal, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), por abuso de poder econômico, nas eleições de 2018. Neri Geller (PP), alegou que foi julgado em 20 minutos e prometeu um posicionamento “mais firme” a partir de agora. A defesa entrará com recurso para recorrer da decisão.

Segundo ele, a decisão sobre seu próximos passos virá da cúpula do grupo partidário que se formou. “Se o nosso grupo definir, nós vamos ir para cima e agora é diferente, com o chicote na mão. Eu não tenho medo de fazer enfrentamento. Na minha vida, tudo foi sempre difícil”, disse ele.

No mesmo evento marcado para dar explicações, partiu para o ataque e expôs seu principal opositor, o senador e candidato à reeleição Wellington Fagundes (PL), onde teria recebido cerca de R$ 1,5 milhão em propina. 

“Eu vou falar em partes o que é o nosso adversário, quero o Ministério Público e a Polícia Federal investiguem. Aqui tem uma delação premiada que está parada desde 2018, ela denuncia que o meu adversário, recebeu uma propina de R$ 500 mil em espécie e ainda usou avião do próprio denunciado para ir à Rondonópolis […] nós vamos fazer interpelação para que esses fatos sejam realmente investigados”, disse em coletiva de imprensa.

Geller pontou que o Ministério Público “induziu” os juízes do TSE ao erro e que a decisão ocorreu de forma injusta

“Eu não tenho medo de fazer enfrentamento, não tem ninguém que respeita mais o Poder Judiciário do que eu, mas nesse caso, o Ministério Público induziu os juízes ao erro, e esse erro nós vamos reparar única e exclusivamente com a verdade”, declarou.

O Progressista ainda destacou que seu processo foi julgado em 20 minutos: “É muito difícil ser injustiçado e eu estou falando isso sem nenhuma demagogia. Foi um julgamento que durou 20 minutos e um processo quem teve a sua essência de uma quebra de sigilo bancário meu, ainda na aprovação das contas”, acrescentou.

Fonte: Isso É Notícia

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS