REDES SOCIAIS

26°C

Fux nega recurso, e Robinho pode ser preso

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Fux indeferiu o habeas corpus da defesa do ex-jogador Robinho e manteve a decretação de sua prisão pela condenação por estupro na Itália.

“Indeferi o HC e mantive a decretação da prisão”, afirmo Fux ao blog.

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) considerou constitucional o pedido das autoridades italianas para Robinho cumprir no Brasil 9 anos de prisão pelo crime de estupro, cometido na Itália, quando ele jogava no Milan.

Por ser brasileiro nato, ele não pode ser extraditado para cumprir pena no exterior. Nesta quinta-feira (21), a presidente do STJ Maria Thereza de Assis Moura, assinou a determinação para a Justiça Federal em Santos cumprir a prisão do ex-jogador.

[Este post está em atualização]

Fonte G1 Brasília

VÍDEOS EM DESTAQUE

ÚLTIMAS NOTÍCIAS